3º dia: Deus salva o necessitado

Jó 5.15-16

“Porém Deus salva da espada que lhes sai da boca,

salva os necessitados das mãos dos poderosos.

Assim, há esperança para os pobres,

e a iniquidade tapa a sua própria boca.”

Salmo 9.18

Pois o necessitado não será esquecido para sempre,

e a esperança dos aflitos não será frustrada perpetuamente.

Salmo 40.1-3

Esperei com paciência pelo SENHOR;

ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro.

Tirou-me de um poço de perdição,

de um atoleiro de lama;

colocou os meus pés sobre uma rocha

e firmou os meus passos.

E me pôs nos lábios um cântico novo,

um hino de louvor ao nosso Deus.

Muitos verão essas coisas, temerão

e confiarão no SENHOR.

Senhor, tu és refúgio e força para todos aqueles que te buscam. Tu és o Deus que nos dás um novo cântico. Segundo a tua justiça e o teu poder, ouve a oração dos que te amam e que por ti clamam. Traz novamente o sorriso e a paz para os teus servos. Ajuda-nos a entender o teu tempo e a amar a tua vontade de forma que seja também a nossa vontade. Em nome de Jesus. Amém.

1 comment

  1. DIHEGO ALESSANDRO PIMENTEL CARNEIRO

    Excelente as reflexões realizadas, são bem embasadas e apuradas com paradoxo do retrato do país mediante a atual situação política, e a perseverança das orações da Igreja em torno do clamor de Fé, para tais situações.
    Parabéns a toda equipe editora do excelente trabalho em torno dos 15 dias de sinérgicas orações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *