Gratidão

É muito fácil cair na armadilha de querer o que os outros têm. Aquele velho adágio sobre “competir com os vizinhos” ainda é válido. Queremos o carro novo de nosso vizinho, invejamos a beleza de nossa melhor amiga, uma casa maior nos deixaria mais felizes, e as coisas seriam muito melhores se nosso cônjuge fosse um pouco mais atencioso. Podemos ficar um bom tempo sem reparar nas coisas em nossa vida pelas quais somos gratos.

Gratidão pela nova vida

Um casal recém-casado gastou parte de seu dinheiro suado com passes anuais para um parque de diversões local. O marido frequentemente convidava amigos para irem com eles nessas idas ao parque para distrair sua esposa com compras enquanto ele saía por alguns minutos para tomar algumas cervejas com os amigos. Algumas horas mais tarde, esperando que ela não tivesse dado falta dele, ele se juntava a ela para ir às atrações do parque.

Leia mais

Cinco anos depois, o jovem casal decidiu comprar passes anuais para o mesmo parque de diversões como presentes de aniversário que deram um ao outro. O jovem havia passado os dois últimos anos no Celebrando a Recuperação, e a ida ao parque de diversões trouxe de volta lembranças de quando ele bebia com os amigos. Ao subir em dois brinquedos com as duas filhas pequenas e visitar as lojas com a esposa, ele se viu murmurando orações de gratidão. Ele estava muito grato ao seu Poder Superior, Jesus Cristo, porque suas filhas nunca teriam de vê-lo beber. 

A jornada de recuperação nem sempre é fácil, e somos sábios quando fazemos dela um momento para celebrar nossos sucessos ao longo de nossa estrada para a recuperação. Criar uma “lista de gratidão” é uma boa maneira para nos lembrar de que fizemos progresso em nossa recuperação, de que Deus mudou nossa vida e de que Jesus Cristo está sempre conosco.

Quatro vezes grato

Nossas orações de gratidão podem se concentrar em quatro áreas específicas de nossa vida: Deus, os outros, nossa recuperação e nossa igreja. Anote-as e faça sua “lista de gratidão” em seu diário ou coloque-a em algum lugar visível, como na porta da geladeira, por exemplo. Mantenha a lista, que está sempre mudando, em um lugar onde você sempre possa vê-la e acrescentar facilmente suas novas vitórias. 

Primeiro, pelo que você é grato a Deus? Faça orações de gratidão ao seu Criador. O texto em Filipenses 4.6 instrui-nos: “Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que vocês precisam e orem sempre com o coração agradecido.” O Salmo 107.15 incentiva-nos: “Que eles agradeçam ao Senhor o seu amor e as coisas maravilhosas que fez por eles!” E, na verdade, que coisas maravilhosas são! Identifique, pelo menos, duas áreas de sua vida nas quais você pode ver a mão de Deus agindo em sua recuperação? Você pode refletir no ano passado ou no que Deus fez por você nesta semana ou mesmo hoje. Depois, reserve um momento para anotar algumas das coisas especiais pelas quais você é grato ao seu Poder Superior. 

Segundo, liste as pessoas que Deus colocou em sua vida para caminhar ao seu lado em sua estrada para a recuperação. Em Colossenses 3.15-16, o apóstolo Paulo nos chama, como cristãos, a fazer o seguinte: “E que a paz que Cristo dá dirija vocês nas suas decisões, pois foi para essa paz que Deus os chamou a fim de formarem um só corpo. E sejam agradecidos. Que a mensagem de Cristo, com toda a sua riqueza, viva no coração de vocês! Ensinem e instruam uns aos outros com toda a sabedoria. Cantem salmos, hinos e canções espirituais; louvem a Deus, com gratidão no coração.” Por quem você é grato? Como estas pessoas especiais ajudaram-no? Reserve um momento para reconhecê-las, anotando o nome delas no papel. 

Terceiro, seja grato por sua recuperação. “Assim”, disse o autor de Hebreus, “nós temos essa grande multidão de testemunhas ao nosso redor. Portanto, deixemos de lado tudo o que nos atrapalha e o pecado que se agarra firmemente em nós e continuemos a correr, sem desanimar, a corrida marcada para nós.” (Hebreus 12.1) Liste duas áreas recentes de crescimento em sua recuperação pelas quais você é grato. 

Quarto, expresse gratidão por sua igreja. “Entrem pelos portões do Templo com ações de graças, entrem nos seus pátios com louvor. Louvem a Deus e sejam agradecidos a ele.” (Salmo 100.4) Cite duas coisas sobre sua igreja pelas quais você é, particularmente, grato. 

A gratidão é um dos principais componentes do sétimo princípio“Reservo, diariamente, um tempo com Deus para autoavaliação, leitura da Bíblia e oração, a fim de conhecer a Deus e a sua vontade para minha vida e obter a força para seguila.” Se você começar cada dia expressando sua gratidão, com frequência terá um dia muito bom — um dia razoavelmente feliz. Esta é a melhor maneira de optar por viver sua vida “um dia de cada vez”.

1 comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *